arquivos-diversos2

Life Behavior: LB entrevista: Paula Rita Saady, do blog 'Paris me Chama'

15.2.14

LB entrevista: Paula Rita Saady, do blog 'Paris me Chama'


Nome, idade e onde vive:
Me chamo Paula Rita Saady, tenho 32 anos, vivo em Paris (França).

Um pouco sobre você:
Comecei na internet com o coletivo Gema TV onde criei e apresentei o programa "Entrevistadora de Maiô", uma parodia bem humorada do universo da moda. Depois de passar por várias capitais e revistas de moda internacionais eu decidi ficar em Paris, casei, tive duas filhas e hoje colaboro com a Vogue e a Glamour Brasil.

Motivo por estar envolvida com moda:
A moda reflete diversos fatores da cultura e da sociedade e é a forma como vejo o mundo, minha paixão desde criança. Tive sorte pois hoje em dia é uma das maiores ferramentas de comunicação de mídia.

Nome do seu blog e que tema aborda especificamente:
'Paris me Chama' = moda e estilo de vida em Paris.

Marca ou estilista favorito:
Stella McCartney, Rick Owens, Azzedine Alaia, mas os favoritos podem mudar a cada estação, sou curiosa demais para me fixar em alguma marca ou designer.

Peça de vestuário favorito:
Casaco oversized da Isabel Marant.

Blog que indica para visitação e motivo:
'Business of Fashion' e 'Showstudio', pois mostram muito dos bastidores da moda e como funciona a indústria. Um olhar importante que poucos tem.

Hobby nas horas vagas:
Natação e ver exposições, vou a todas em Paris.

O que faz atualmente e projetos para o futuro:
Consultoria de estilo, stying e o meu blog na Glamour, e em breve vou inaugurar um estúdio, um espaço de intercâmbio de experiências e criatividade.

O que considera inadmissível em um look:
Na moda tudo é possível e admissível, depende do contexto. O importante é ser verdadeiro no que está querendo expressar.

O que considera essencial para vestir-se bem:
Estar bem cuidada : pele boa, cabelo limpo e unhas bem feitas – levanta qualquer look por mais simples que seja.

Considerações gerais:
Sorrir e sonhar todos os dias, um pouco de fantasia não faz mal a ninguém.